Portuguese English French Spanish

Sample icon1 e-Learning

Usamos cookies para melhorar o site e a sua experiência como utilizador. Saiba mais : Política de Cookies.

Eu aceito Cookies deste site.

Candidaturas 2020/2021 - Curso de Licenciatura em Enfermagem

licenciatura em enfermagem - imagem

CONCURSO INSTITUCIONAL 1

Podem candidatar-se ao Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESESFM, os candidatos que satisfaçam, cumulativamente, as seguintes condições:

ter aprovação num curso de ensino secundário ou habilitação legalmente equivalente;

ter realizado provas de ingresso (Biologia e Geologia, ou Biologia e Geologia e Português, ou Biologia e Geologia e Matemática), em 2018 e/ou 2019 e/ou 2020, e ter obtido nessas provas uma classificação igual ou superior a 95 pontos na escala de 0 a 200;

Ter uma nota de candidatura igual ou superior a 95 pontos na escala de 0 a 200.

Documentos obrigatórios de acesso

Ficha ENES de 2020 – original ou cópia autenticada;

Fotocópia do Documento de Identificação;

Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal.

Vagas

70 (35 em setembro; 35 em março)

Cálculo de média de acesso

                  Nota de Candidatura: (A x 0,6) + (B x 0,4)

                  A - Nota final do Ensino Secundário

                  B - Nota da(s) Prova(s) de Ingresso

Nota: O comprovativo da realização do pré-requisito do grupo A será entregue no ato da matrícula

> Edital


 

MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO 1

Mudança de par instituição/curso é o ato pelo qual um estudante se matricula e ou se inscreve em par instituição/curso diferente daquele(s) em que, em anos letivos anteriores, realizou uma inscrição.

Podem requerer a mudança para um par instituição/curso os estudantes que cumulativamente:

Tenham estado matriculados e inscritos noutro par instituição/curso e não o tenham concluído;

Tenham realizado os exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso fixadas para esse par, para esse ano, no âmbito do regime geral de acesso – os quais podem ter sido realizados em qualquer ano letivo;

Tenham, nesses exames, a classificação mínima exigida pela instituição de ensino superior, nesse ano, no âmbito do regime geral de acesso.

Este regime de mudança de par instituição/curso aplica-se igualmente aos estudantes que tenham estado matriculados e inscritos em instituição de ensino superior estrangeira em curso definido como superior pela legislação do país em causa, e não o tenham concluído.

Documentos obrigatórios de acesso 2

Certificado de habilitações do 10.º/11.º e 12.º ano ou certificado de equivalência ao ensino secundário - original ou cópia autenticada;

Original ou fotocópia autenticada do comprovativo do regime de ingresso com a nota de acesso (Ficha ENES, Exames Maiores de 23 Anos, outros);

Documento comprovativo de matrícula e inscrição do Estabelecimento de Ensino Superior em que esteve inscrito - original ou cópia autenticada;

Certificado de habilitações do ensino superior, com indicação das unidades curriculares em que obteve aproveitamento e respetivas classificações, ou, no caso de não ter realizado nenhuma unidade curricular, comprovativo da primeira inscrição no curso - original ou cópia autenticada;

Para os estudantes de estabelecimentos de ensino superior estrangeiro, os documentos emitidos pelo país de origem terão de ser devidamente assinados e selados pelo estabelecimento de ensino e reconhecidos pela representação diplomática ou consular portuguesa existente nesse país ou com a colocação da apostila da convenção de Haia, devendo ser traduzidos por tradutor reconhecido pela representação diplomática portuguesa (exceto documentos em espanhol, francês e inglês).

Fotocópia do Documento de Identificação;

Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal;

Comprovativo da realização de pré-requisito;

Programas e cargas horárias para o candidato que pretender solicitar creditação de competências académicas.

 Veja o Regulamento aqui.

> Edital


 

REGIME DE REINGRESSO 1

Reingresso é o ato pelo qual um estudante, após uma interrupção dos estudos num determinado curso e Estabelecimento de Ensino Superior, se matricula no mesmo estabelecimento e se inscreve no mesmo curso ou em curso que lhe tenha sucedido.

Veja o Regulamento aqui.

> Edital


CONCURSO DE ADMISSÃO PARA MAIORES DE 23 ANOS 1

 

Podem candidatar-se ao Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESESFM, os candidatos que satisfaçam, cumulativamente, as seguintes condições:

Sejam maiores de 23 anos ou completem 23 anos até ao dia 31 de dezembro, do ano que antecede a realização das provas: Português e Biologia ou Português e Matemática;

Não sejam titulares da habilitação de acesso ao ensino superior;

Não estejam abrangidos pelo estatuto do estudante internacional, regulado pelo Decreto-Lei n.º 36/2014, de 10 de março, alterado e republicado pelo Decreto-Lei n.º 62/2018, de 6 agosto.

Documentos obrigatórios de acesso

Curriculum Vitae atualizado, com a indicação do percurso escolar e profissional;

Certificado de habilitações académicas;

Comprovativo da realização do pré-requisito do grupo A;

Fotocópia do Documento de Identificação;

Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal.

Os candidatos que tenham efetuado a prova noutro Estabelecimento de Ensino Superior e pretendam candidatar-se à Escola Superior de Enfermagem S. Francisco das Misericórdias deverão apresentar, além dos documentos anteriormente exigidos, uma declaração emitida pelo Estabelecimento de Ensino Superior onde realizaram a prova, com indicação do curso ao qual se candidataram, a indicação das provas e a classificação final.

Veja o Regulamento aqui.

> Edital

> Matriz da Prova de Língua Portuguesa e Cultural Geral

> Matriz da Prova de Biologia

> Matriz da Prova de Matemática

> Critérios de Seriação


TITULARES DE CURSOS SUPERIORES 1

 

Este concurso especial abrange os candidatos que:

Sejam titulares do grau académico de licenciado.

Documentos obrigatórios de acesso

Certificado ou Diploma do Curso de Licenciatura de que é titular;

Fotocópia do Documento de Identificação;

Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal;

Comprovativo da realização do pré-requisito do grupo A;

Programas e cargas horárias para o candidato que pretender solicitar creditação de competências académicas.

Veja o Regulamento aqui.

> Edital


TITULAR DE DIPLOMA DE TÉCNICO SUPERIOR PROFISSIONAL 1

Podem candidatar-se ao Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESESFM os candidatos que satisfaçam, cumulativamente, as seguintes condições:

Ser titular de diploma de técnico superior profissional nas áreas de formação exigidas;

Realizar a prova específica, constante do Regulamento, e obter uma classificação igual ou superior a dez valores.

Documentos obrigatórios de acesso

Certidão comprovativas da titularidade de um diploma de Técnico Superior Profissional com a classificação final;

Comprovativo da realização do pré-requisito do grupo A;

Fotocópia do Documento de Identificação;

Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal.

Veja o Regulamento aqui.

> Edital

> Matriz da Prova

> Critérios de seriação


TITULAR DE DIPLOMA DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA 1

 

Este concurso especial abrange os estudantes que satisfaçam, cumulativamente, as seguintes condições:

Ser titular de um diploma de técnico de especialização tecnológica nas áreas de formação exigidas;

Realizar as provas específicas, constantes do Regulamento, e obter uma classificação igual ou superior a dez valores.

Documentos obrigatórios de acesso

Certificado do Curso de Especialização Tecnológica, com a respetiva média;

Currículo escolar e profissional

Comprovativo da realização do pré-requisito do grupo A;

Fotocópia do Documento de Identificação;

Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal.

Veja o Regulamento aqui.

> Edital


 

TITULAR DE CURSO DE DUPLA CERTIFICAÇÃO DE NÍVEL SECUNDÁRIO 1

 

Este concurso especial abrange os estudantes que satisfaçam, cumulativamente, as seguintes condições:

Ser titular de um curso de dupla certificação de nível secundário, conferente do nível 4 de qualificação do Quadro Nacional de Qualificações:

- Cursos profissionais de uma das seguintes áreas de Educação e Formação:

Quadro supla certificação

Realizar a prova teórica de avaliação de conhecimentos e obter uma classificação igual ou superior a dez valores.

Avaliação da capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem

Classificação final do curso profissional – 50%

Classificação na prova de aptidão profissional – 20%

Classificação na prova de avaliação de conhecimentos – 30%

Documentos obrigatórios de acesso

Certificado do Curso Profissional, com a classificação da prova de aptidão profissional e média final;

Currículo escolar e profissional

Comprovativo da realização do pré-requisito do grupo A

Fotocópia do Documento de Identificação;

Fotocópia do Cartão de Identificação Fiscal.

Veja o Regulamento aqui.

> Edital

> Matriz da Prova de Biologia

> Critérios de seriação


 

REGIME ESPECIAL DE ACESSO PARA ESTUDANTES INTERNACIONAIS 1

Podem usufruir do Estatuto de Estudante Internacional todos os estudantes que não tenham a nacionalidade portuguesa, com exceção de:

Os nacionais de um Estado-Membro da União Europeia;

Os que, não sendo nacionais de um Estado-Membro da União Europeia, residam legalmente em Portugal mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 01 de janeiro do ano em que pretendam ingressar na ESESFM, bem como os filhos que com eles residam legalmente;

Os que requeiram o ingresso através dos regimes especiais de acesso e ingresso regulados pelo Decreto-Lei nº 393-A/99, de 2 de Outubro, alterado pelo Decreto-Lei nº 272/2009, de 1 de Outubro;

Podem candidatar-se:

Os titulares de uma qualificação que acesso ao ensino superior, entendida como qualquer diploma ou certificado emitido por uma autoridade competente que ateste a aprovação num programa de ensino e lhes confira o direito de se candidatar e poder ingressar no ensino superior no país em que foi conferido;

Ou titulares de um diploma do ensino secundário português ou de habilitação legalmente equivalente.

Só são admitidos a este concurso especial os estudantes internacionais que, cumulativamente tenham:

Qualificação académica específica para ingresso no ciclo de estudos, a qual incidirá sobre as matérias das provas de ingresso fixadas para o ciclo de estudos em causa no âmbito do regime geral de acesso e ingresso, de modo a assegurar que são admitidos através deste concurso estudantes que demonstrem conhecimentos nas matérias das provas de ingresso de nível e conteúdos equivalentes aos dos estudantes admitidos através do regime geral de acesso e ingresso português;

Comprovem o nível de conhecimento da língua portuguesa requerido para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem através da apresentação de certificado de nível de língua portuguesa B2, ou submeterem -se a uma prova de português a realizar na ESESFM;

Satisfaçam os pré-requisitos fixados para a licenciatura em enfermagem, no âmbito do regime geral de acesso e ingresso.

Documentos obrigatórios de acesso 2

Fotocópia simples do Passaporte ou do Bilhete de Identidade estrangeiro;

Comprovativo da realização do pré-requisito do grupo A;

Documento comprovativo da conclusão do ensino secundário português ou equivalente;

Documento comprovativo de uma qualificação que, no país em que foi obtida, lhes confira o direito de candidatura e ingresso no ensino superior desse país, devidamente validado pela entidade competente desse país;

Documento comprovativo da classificação obtida.

Os documentos comprovativos acima referidos devem ser emitidos em português e visados pelo serviço consular ou apresentados com a aposição da Apostila de Haia pela autoridade competente do Estado de onde é originário o documento.

Veja o Regulamento aqui.

> Edital

> Matriz da Prova de Língua Portuguesa

> Critérios de Seriação

1 A falta de algum documento exigido para a instrução do processo será motivo de indeferimento por instrução incompleta.

2 Os documentos apresentados pelos candidatos oriundos de estabelecimentos de ensino superior estrangeiro deverão ser devidamente assinados pelo Estabelecimento de Ensino e reconhecidos pela representação diplomática ou consular portuguesa existente nesse país e traduzidos. Com exceção do documento de identidade, todos os restantes documentos obrigatórios de acesso devem ser fotocópias autenticadas ou documentos originais.

Testemunhos

 "É com muito gosto que participamos em mais uma abertura solene do Ano Escolar.
Agradecemos a partilha de conhecimentos que nos permitiram construir o nosso SER ENFERMEIRO.
Obrigada por tudo e pelos ensinamentos de todos os dias.
É com muito orgulho que fazemos parte desta família."

19º Curso de Licenciatura em Enfermagem

 

logos site rodapé

Usamos cookies para melhorar o site e a sua experiência como utilizador. Saiba mais : Política de Cookies.

Eu aceito Cookies deste site.